sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Fundações: Blocos e Alicerces.

Este tipo de fundação é utilizado quando há atuação de pequenas cargas, como por exemplo um prédio 
até  04  pavimentos.  Os  blocos  são  elementos  estruturais  de  grande  rigidez,  são  reforçados    por cintamentos  em concreto  armado  (blocos  corridos)  ou por vigas baldrames  (blocos isolados), que tem  por   objetivo   solidarizar   a  fundação  reduzindo   os   efeitos   causados  pelos   recalques   diferenciais. 

Suportam predominantemente esforços de compressão simples, provenientes das cargas dos pilares. Os 
eventuais  esforços  de  tração  são  absorvidos  pelo  próprio  material  do  bloco. Podem  ser  de  concreto  ciclópico (não armado), alvenarias de tijolos comuns ou mesmo de pedra de mão (argamassada ou não). 

Geralmente, usa-se blocos quando a profundidade da camada resistente do solo está entre,5 e 1,0 m de  profundidade.

Os  alicerces,  também  denominados  de  blocos  corridos,  são  utilizados  na  construção  de  pequenas 
edificações, principalmente as residenciais e  suportam diretamente as cargas provenientes das paredes  resistentes, podendo ser de concreto ciclópico, alvenaria de tijolo maciço ou alvenaria de pedra.

Na Figura ao lado apresentamse três tipos  de blocos  corridos  (alicerces),  sem  a  presença  do   cintamento em concreto armado.


-O processo de execução de um alicerce consiste em: 

1. promover a abertura da vala;
2. aumentar a compactação da camada do solo resistente, apiloando o fundo;
3. Aplicação do lastro de concreto magro (90 kgf/cm²) de 5 a 10 cm de espessura;
4. execução do embasamento, que pode ser de concreto ciclópico, alvenaria de bloco ou de   pedra;
5. construir uma cinta de amarração, com a finalidade de absorver esforços  não previstos,  suportar pequenos recalques, distribuir o carregamento e combater esforços horizontais;
6. fazer  a  impermeabilização  para evitar a  percolação capilar,  utilizando  uma argamassa 
“impermeável” (com aditivo) ou ainda, uma chapa de cobre, de alumínio ou ardósia.


















              
- Deve-se, ainda, observar com cuidado:

– se há ocorrência de formigueiros e raízes de árvore no momento da escavação da vala;
–  compatibilização  da  carga  da  parede x  largura  do  alicerce,  observando  as  fórmulas estabelecidas para o cálculo. Na figura  ao  lado, Blocos  corrido    em    alvenaria    de  tijolo maciço  (alicerce)  com
a presença de cintamento de  concreto       armado       (ver  detalhe    da   colocação     da  armadura).





Abertura de vala 

Profundidade nunca inferiores a  40cm.
Largura das valas:
    - parede de 1 tijolo = 45cm
    - parede de 1/2 tijolo = 40cm

Em terrenos inclinados, o fundo  da vala é  formado  por  degraus  (Figura   ao   lado),   sempre   em  nível,  mantendo-se  o  valor  "h"  em  no  mínimo  40  cm  e  h1,  no  máximo 50cm;

Apiloamento

Se  faz  manualmente  com  soquete (maço)  de   10  à  20kg,  com  o  objetivo       unicamente          de conseguir   a   uniformização   do  fundo da vala e não aumentar a  resistência do solo.        

                       
        
- As fundações em  alicerce   (bloco corrido)  são  utilizadas  para  transmitir  diretamente  as    cargas    das    paredes     para    o   solo  (estrutura mural)  para o terreno firme logo  abaixo, assim sendo, onde houver parede,  deve  haver  fundação.  A  figura  ao  lado  representa     uma     fundação      em     bloco
corrido, sobre  a  qual  deve  ser  executada  uma     cinta    de    concreto      armado      e  posteriormente a alvenaria de bloco.

- Exemplos de alicerces


          

 Foto de bloco em alvenaria de pedra corrida com cintamento inferior.

0 comentários: